quarta-feira, 18 de agosto de 2010

É coisa de criança

 
 
"Se essa rua, se essa rua fosse minha
Eu mandava, eu mandava ladrilhar
Com pedrinhas, com pedrinhas de brilhante
Só pro meu, só pro meu amor passar

Nessa rua, nessa rua tem um bosque
Que se chama, que se chama solidão
Dentro dele, dentro dele mora um anjo
Que roubou, que roubou meu coração

Se eu roubei, se eu roubei teu coração
Tu roubaste, tu roubaste o meu também
Se eu roubei, se eu roubei teu coração
Foi porque, só porque te quero bem."

-

Como ando sem inspiração. Deixo as músicas inspirarem por mim.

- Qual o sentido de me dar uma rua?
- Não gostaria de receber a rua que escolhi pra ti? - ela entristeceu-se-
- Não antes de ganhar teu coração.

2 comentários:

Ponto de Fuga disse...

:]

Caroline ; disse...

ooti *-* tava com saudades daqui ! seu blog continua linds (: